ELETROCARDIÓGRAFO ECG USB DL660

ELETROCARDIÓGRAFO ECG USB DL660


Por:
R$ 3.920,00

ou 6x de R$ 653,33 Sem juros
 
Simulador de Frete
- Calcular frete

*Mediante ao estoque do fornecedor.

Possui 12 derivações simultâneas de alta qualidade de traçado de 4.800 amostras/segundo por canal. Derivações I, II, III, aVF, aVR, aVL, 6 precordiais e pulso Cardíaco. Totalmente controlado por computador; conexão e alimentação USB (não precisa de fonte, pilhas ou bateria); software para cadastro de exames completos dos pacientes. Possui suporte para fazer laudos a distância.

Totalmente controlado por computador;

  • Conexão e alimentação USB (não precisa de fonte, pilhas ou bateria);
  • Software para cadastro de exames completos dos pacientes;
  • Os exames e informações dos pacientes são armazenados em um banco de dados, que podem ser salvos no formato pdf;
  • Permite impressão colorida ou preta e branca em papel A4 comum;
  • Sistema de análise por impressão;
  • Fácil instalação, pode ser feita pelo próprio usuário;
  • Possui suporte para fazer laudos a distância.
  • Cursores eletrônicos para medidas;
  • Acompanha cabo sensor de ECG.

Modo de operação do Eletrocardiógrafo:

Eletrodos: Os eletrodos são a continuação do cabo em uma saída do aparelho (unidade funcional). O eletrodo mais utilizado na medicina veterinária é o clipe “jacaré”, é eficaz pois proporciona quase nenhuma dor no animal.

  • Prendem com facilidade
  • Possuem boa superfície de contato
  • Não causam desconforto nos pacientes 

 

Preparo: Ao colocar o paciente na mesa, certifique-se que a mesa está coberta por uma superfície não condutora de eletricidade. (Se possível isole a mesa com pés de borracha para diminuir as interferências elétricas).

OBS: Se a mesa for de Metal cubra a superfície com um “tapete de borracha”; Durante o exame não coloque a mão na mesa, apenas no paciente; Calçados com solados de borracha facilitam o isolamento.

Colocando os Eletrodos: O proprietário (ou auxiliar) deve segurar com as duas mãos a região cervical o paciente, Se o paciente impor resistência uma terceira pessoa deve segurar os membros posteriores.

Os eletrodos devem ser fixados diretamente na pele em uma região onde exista menos concentração de pelos. Caso se torne necessário, faça a tricotomia na região que devem ser fixados os eletrodos.

Na superfície de contato (já fixado no paciente) é aplicado um Gel condutor ou álcool 97ºgl. Se usado o Gel condutor deve ser feita a limpeza imediata a fim de evitar oxidação. Se usado o álcool, lembre-se, o álcool evapora entre 5 e 10 minutos (Essa forma não é indicada em registros muito longos ou monitoração cirúrgica).

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características


    Confira também